H.Olhos | Hospital de Olhos Paulista
Central de Atendimento (11) 4126-6666
H.Olhos | Hospital de Olhos Paulista
Início » Estrabismo

Estrabismo

O que é?

O estrabismo compromete o alinhamento dos eixos oculares, afetando não apenas a parte estética, mas também a visão, principalmente se o tratamento não for precoce.

A doença é mais comum na infância: atinge de 3% a 7% das crianças. Também aflige adultos, sobretudo em decorrência de outros distúrbios.

Sintomas

Os indícios mais comuns são os movimentos desajustados entre os dois olhos, causando o desalinhamento ocular; dificuldade para manter o foco em objetos e pessoas; exercer atividades ou caminhar com somente um dos olhos abertos; ou manter a cabeça inclinada na tentativa de deixar os olhos endireitados.

Em adultos, costuma aparecer de forma repentina, podendo causar visão dupla, chamada de diplopia. Geralmente, vem como consequência de outros transtornos, como aneurismas, AVC, hipertensão, diabetes e tumores. Em alguns casos, pessoas com altos graus de miopia também desenvolvem o estrabismo.

Tratamento

A análise de um oftalmologista é essencial para apontar o tratamento mais apropriado, que varia caso a caso. Os mais frequentes são oclusão (tampão adesivo para os olhos), óculos, prismas, injeção de toxina botulínica e cirurgia.

Para as crianças, há duas fases. Na primeira, o médico deve se concentrar na visão, tanto para impedir seu comprometimento quanto para melhorar sua qualidade. Na etapa seguinte, passa a se dedicar ao alinhamento dos olhos, restaurando seu equilíbrio.

Dica CERPO Oftalmologia

O tratamento precoce é de extrema importância, principalmente em crianças. Por isso, os adultos responsáveis devem estar atentos aos sintomas descritos acima. As que possuem pais com estrabismo ou histórico familiar também devem procurar um oftalmologista.


Prencha as informações abaixo para entrarmos em contato com você:

H.Olhos | Hospital de Olhos Paulista Voltar

Newsletter

Receba notícias e dicas sobre a CERPO Oftalmologia em seu e-mail!