Você está em: CERPO Oftalmologia » Lentes de contato e Refração

Lentes de contato e Refração

Postado por CERPO em 28/jul/2010 -

Trata-se da especialidade responsável pelo tratamento clínico dos erros refracionais (deficências visuais – miopia, hipermetropia, astigmatismo ou presbiopia) através da utilização das lentes corretivas, sendo essas representadas pelos óculos ou pelas lentes de contato, determinando o grau ideal a ser utilizado em cada situação.

 

As lentes de contato podem ser gelatinosas ou rígidas, para correção óptica, terapêutica ou estética.
 
As lentes gelatinosas podem ser de uso contínuo ou descartáveis e tanto as gelatinosas como as rígidas são feitas com diferentes composições e diferentes métodos de fabricação.
 
Nem todo mundo pode usar ou é bom candidato ao uso de lentes de contato. É o oftalmologista quem deve determinar quem pode usar. O medico estuda o grau e curvatura da lente a ser adaptada, bem como o melhor tipo de lente a ser usado.
 
As lentes de contato se constituem em um corpo estranho dentro do olho, e em caso de má orientação, podem causar danos para a visão de modo que a segurança de seu uso depende da supervisão do oftalmologista.
 
Há complicações do mau uso de lentes de contato e essas, se não forem bem acompanhadas e tratadas podem gerar deformidades na córnea.
 
A chamada conjuntivite por lente de contato (conjuntivite papilar), bastante freqüente, especialmente com as lentes gelatinosas, pode ter sua evolução controlada pelo exame periódico do usuário de lentes.