H.Olhos | Hospital de Olhos Paulista
Central de Atendimento (11) 4126-6666
H.Olhos | Hospital de Olhos Paulista
Início » Visão de criança para a vida inteira.

Visão de criança para a vida inteira.

A A
14 de fevereiro de 2014

Independente da idade ou dos sintomas, o exame de rotina é importante para preservar nossa visão por toda a vida. A especialista da CERPO Oftalmologia Dra. Adriana Bizzarri alerta sobre os cuidados que devem começar já na fase do pré-natal.

Cerca de 60% das doenças que cegam as crianças podem ser prevenidas e tratadas com a tecnologia e a medicina atuais. No entanto, muitos pais só levam os filhos ao oftalmologista após perceberem algum problema. Conheça os cuidados que devem ser tomados com a visão em cada fase da vida deles.

NA GRAVIDEZ

Os cuidados com a visão da criança devem ter início durante a gravidez, com a realização do pré-natal e pesquisa de possíveis doenças como rubéola, toxoplasmose e sífilis, entre outras, que podem levar a criança a ter sérios problemas visuais.

RECÉM-NASCIDOS 

O primeiro exame ocular é chamado de teste do reflexo vermelho, feito após o nascimento. Neste exame são observadas as cores das pupilas (que devem ser pretas) e o reflexo da pupila (o abrir e fechar delas com a luz). Existe uma propensão maior para deficiências visuais em bebês prematuros, com pais ou irmãos que veem muito mal, com atraso de desenvolvimento e doenças oculares hereditárias.

Nestes casos, um exame oftalmológico deverá ser realizado entre os seis e 12 meses de idade.

Apesar do acompanhamento com o pediatra, muitas doenças oculares podem passar despercebidas. Devemos estar atentos a sintomas oculares, como diferença de cor entre os olhos do bebê, lacrimejamento, sensibilidade à claridade ou qualquer sinal estranho.

Durante o primeiro ano de vida a visão se desenvolve muito rápido, e é só entre os cinco e sete anos de idade que este desenvolvimento termina. Portanto, quanto mais tardio o diagnóstico dos defeitos dos olhos e da visão, mais difícil de corrigir.

DOIS ANOS DE IDADE

O primeiro exame deve ser realizado quando a criança tem cerca de dois anos de idade, caso não se tenha verificado nenhuma alteração anterior. É importante que os pais retornem com a criança a cada seis meses ou anualmente, pois uma criança que na idade pré-escolar não apresentava erros de refração pode desenvolvê-los depois.

PERÍODO ESCOLAR 

Pais e professores devem estar sempre atentos, pois dificuldades para aprender podem ser um indício de que a criança enxerga mal. O exame de vista nessa idade é muito importante para avaliar a necessidade do uso de óculos, a presença de desvio ocular (estrabismo) ou outras alterações que possam causar olho preguiçoso (ambliopia).

Apesar da visita ao pediatra, doenças oculares podem passar despercebidas.

PUBERDADE 

É essencial retornar todo ano ao consultório para conferir possíveis mudanças no grau e para realizar exames mais específicos, como a topografia computadorizada (exame que avalia todo o relevo da córnea e detecta doenças como o ceratocone, alteração da curvatura que causa grande prejuízo à visão).



H.Olhos | Hospital de Olhos Paulista Voltar

Newsletter

Receba notícias e dicas sobre a CERPO Oftalmologia em seu e-mail!